Qual a diferença entre público-alvo e persona?

By 10 de dezembro de 2018Identidade Visual, Marketing Digital

Se você acompanha o nosso blog, já ficou mais do que claro que a diferença entre um marketing eficiente e um que não dá resultados é o direcionamento, né? Para que uma campanha realmente funcione, independente do segmento, é necessário conhecer o público que tem mais chance de comprar o produto e preparar uma comunicação que converse com ele. Mas qual a diferença entre público-alvo e persona?

Neste post, vamos falar sobre a diferença entre público-alvo e persona, as melhores aplicações e como criá-los na sua empresa. Acompanhe com a gente!

O que é público-alvo?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VVVVamos lá, o público-alvo é o primeiro passo para uma campanha de marketing. Ele traz a definição social, econômica e demográfica de quem consome o seu produto ou serviço. Principalmente no começo, em que você ainda esteja criando o que vai vender, estudar o mercado e o público-alvo é muito importante.

O público-alvo precisa te transmitir algumas informações, como:

  • Gênero;
  • Formação;
  • Estado Civil;
  • Hábitos de Compra;
  • Idade;
  • Região do país;
  • Profissão.

Quer entender melhor do que estamos falando, né? Então, aqui vai um exemplo de público-alvo para não haver dúvidas:

  • homens, de 30 a 40 anos, com ensino superior completo, renda mensal entre 5 a 8 salários-mínimos, moradores de Londrina, casados e que consomem notícias por meio de sites de jornais e revistas semanais;

Caso você já tenha clientes, o processo para descobrir o público-alvo é mais fácil fazendo uma pesquisa entre eles para identificar esses padrões. Caso isso não seja possível, é preciso responder algumas perguntinhas, como:

  • seu produto se destina a empresas ou pessoas físicas?
  • em que região, cidade ou estado moram as pessoas que compram seu produto?
  • esse é um produto destinado a um só gênero ou é unissex? No caso da última opção, é comprado mais por homens ou mulheres?
  • qual é a idade dos seus consumidores?
  • qual é a renda?
  • qual é a formação?
  • qual é o estado civil?
  • qual é a idade ou a geração para a qual se destina o produto?
  • com qual frequência consome o produto?

Apesar de ter a sua importância, é preciso frisar uma coisinha: o público-alvo tem caído em desuso como o grande direcionador das campanhas de marketing. Isso acontece porque as pessoas têm novos hábitos de consumo e segmentação necessárias para o marketing digital e precisa afunilar ainda mais o público para tornar essas campanhas mais eficientes. É justamente essa a grande diferença entre público-alvo e persona.

O que é persona?

Então, ali em cima falamos no desuso do público-alvo, ainda mais com a ascensão da persona, que tem se mostrado a melhor solução para o mercado atual com um consumidor extremamente conectado. Ou seja, a grande diferença entre público-alvo e persona é que a persona é mais rica em detalhes e garante uma segmentação mais eficiente e bem mais focada.

Além do que sabemos com o público-alvo, a persona traz ainda mais informações, como:

  • A criação de um nome fictício para que a conexão seja maior;
  • Uma pequena história sobre a persona;
  • Estilo de vida;
  • Redes sociais favoritas;
  • Hobbies;
  • Dores relacionadas ao produto;
  • Ambições.

Vamos para mais um exemplo? É para não ficar dúvida mesmo sobre a diferença entre público-alvo e persona.

Daniele tem 28 anos, já é formada e trabalha como fisioterapeuta. Ganha entre R$ 3 mil e R$ 5 mil, é solteira e bem resolvida profissionalmente. Ela adora comprar roupas pela internet e tem um gasto mensal separada para isso, o que a faz sempre se manter atenta às novidades resenhadas pelas blogueiras. As principais dificuldades são os fretes altos que acompanham os produtos. Sempre está de olho em digital influencer de moda e beleza no Instagram e blogs. Mora em Curitiba e costuma sair para bares e boates. Gosta de sempre estar bem vestida.

Qual o benefício de ter uma persona?

Já que estamos falando sobre a diferença entre público-alvo e persona, é importante perceber tudo o que a persona pode trazer para a sua campanha de marketing. E não é pouca coisa, não! Vamos destacar as principais:

  • Linguagem otimizada;
  • Quais as melhores redes sociais para investir;
  • Quais assuntos despertam mais interesse;
  • Palavras-chave;
  • Melhor formato de conteúdo;
  • Melhor momento para fazer uma oferta;
  • Periodicidade do e-mail marketing.

Na verdade, verdadeira, tanto o público-alvo quanto a persona são bastante importantes. Enquanto o público-alvo dá informações mais gerais sobre o seu cliente ideal, a persona traz um maior nível de detalhes para ajudar o marketing a se comunicar melhor.

Quer mais conteúdos desse gênero? Nosso blog e nossas redes estão sempre repletos de informações relevantes para você fazer seu negócio decolar no digital. É só se inscrever na nossa newsletter e não perder nenhum artigo: (link à newsletter)

Grande abraço 😉

Equipe Primage.

Avatar

Autor Primage

A Primage é uma agência digital localizada em Londrina, mas que possui clientes em todo o Brasil. Somos especializados em Criação de Sites, Identidade Visual, Administração de redes sociais, Marketing Digital, SEO e muito mais.

Mais posts escritos por Primage